Mrs Dalloway

Mrs Dalloway

avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
ISBN:978-972-38-2909-9
Edição/reimpressão:08-2017
Editor:Livros do Brasil
Código:77150
Coleção:Dois Mundos
ver detalhes do produto
13,30€
-10%
24H
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
24H
EM
STOCK
13,30€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H

SINOPSE

Numa clara manhã de primavera, Clarissa Dalloway resolve sair para comprar flores para a festa que acolherá naquela mesma noite, em sua casa. Enquanto passeia pelas ruas de Londres, são recolhidas imagens, sensações e ideias, entrelaçadas com as personagens que habitam o seu mundo - do marido, Richard Dalloway, à filha, Elizabeth, e a Peter Walsh, amigo de juventude acabado de voltar da Índia - e que com ele se cruzam - como Septimus Warren Smith, veterano da Primeira Guerra Mundial assombrado pela doença mental. Romance que revelou em pleno o talento de Virginia Woolf, a sua perspicácia, a sensibilidade transparente e, sobretudo, a arte suprema de descrever os segredos das almas - não os atos mas as sensações que eles despertam - fazem de Mrs Dalloway uma obra-prima indiscutível da literatura universal.

Os grandes nomes da literatura universal estão de volta na página especial da coleção Dois Mundos.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Perturbador transparente inquietante
AFerreira |2017-09-23
Romance absolutamente arrebatador, perturbador que obriga a uma atenção e introspecção profunda através das imagens e sentimentos que emergem e nos colam no ser. Tendo em conta a época em que se insere é uma obra prima em que nos fundimos com a personagem e com a autora. Obrigatório

DETALHES DO PRODUTO

Mrs Dalloway
ISBN:978-972-38-2909-9
Edição/reimpressão:08-2017
Editor:Livros do Brasil
Código:77150
Coleção:Dois Mundos
Idioma:Português
Dimensões:152 x 235 x 14 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:176
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance
Virginia Woolf nasceu em Londres a 25 de janeiro de 1882, filha de Sir Leslie Stephen, escritor e historiador ilustre da Inglaterra vitoriana. Desde cedo ligada a grupos de intelectuais, casou em 1912 com Leonard Woolf e com ele fundou a editora Hogarth Press, responsável pela revelação de autores como Katherine Mansfield e T. S. Eliot e pela publicação das suas próprias obras. Reconhecida como uma das mais proeminentes figuras do modernismo britânico, destacam-se entre os seus trabalhos os romances Mrs Dalloway (1925), Orlando (1928) e As Ondas (1931), assim como o ensaio Um Quarto que Seja Seu (1929). Após sucessivas crises depressivas e não suportando o isolamento provocado pelo agravar da Segunda Guerra Mundial, suicida-se a 28 de março de 1941, em Lewes.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK