2022-03-10

Sobre tudo o que ainda precisa de mudar

Livros do Brasil publica Encontro, de Natasha Brown, apontada pela crítica com uma das novas vozes a seguir na literatura britânica

Partilhar:

Terceiro título da coleção Contemporânea, Encontro é a muito elogiada estreia literária de Natasha Brown, selecionada pelo Women’s Prize for Fiction 2022 como uma das 10 melhores autoras abaixo dos 35 anos. Nestas páginas, a jovem inglesa aborda temas de grande atualidade, como raça e igualdade de género, emigração e ascensão social, êxito e avidez, escravidão e imperialismo. A tradução é de Tânia Ganho.

 

O livro já se encontra em pré-venda e estará disponível nas livrarias a 24 de março.

 

A narradora – que, numa linha ténue entre ficção e autoficção, não sendo a própria autora com ela comunga certas vivências – encontra-se assumidamente exausta: «Sabia que essas eram as coisas que devia desejar, as coisas que devia tentar alcançar. Mas estava farta de lutar, de aguentar. Farta de ascensão.» Nesta narrativa, nesta «experiência imersiva», como define a própria autora, há um sentimento sufocante de insatisfação capaz de se agigantar do individual para o universal, que, muito provavelmente, também não será estranho às nossas «vidas empilhadas». Natasha Brown aponta um caminho à protagonista desta história, encontra-lhe um rumo ou, pelo menos, dá-lhe embalo à vontade de desvio. «O que é necessário para lá chegar não é aquilo que precisamos quando lá chegamos», lemos às tantas.

 

SOBRE O LIVRO

 

A narradora deste romance é uma mulher negra britânica, com uma posição de destaque no mercado financeiro e um namorado oriundo de uma família conservadora. Seguiu todas as boas regras: ser cortês num ambiente hostil, conseguir a melhor formação superior, lançar-se numa carreira rentável, comprar um bom apartamento, comprar arte, comprar uma espécie de felicidade – e principalmente, manter-se calada, discreta e prosseguir. Agora, enquanto se prepara para participar na festa de aniversário de casamento dos pais do namorado, debate-se com algo que poderá mudar a sua vida, definitivamente. É preciso tomar uma decisão. Esta é uma história sobre as histórias de que somos feitos: de raça e classe social, de segurança e liberdade, de vencedores e vencidos. E do que significa assumirmos o controlo do nosso destino.

 

CRÍTICAS DE IMPRENSA

 

«Um espantoso retrato sobre raça e classe social no mundo financeiro… Uma poderosa nova voz da literatura britânica.»

The Sunday Times

 

«Uma estreia virtuosa (…). Encontro cumpre, com uma precisão refinada, a exortação de Virginia Woolf para “registar os átomos à medida que caem sobre a mente e na ordem pela qual caem”.»

The Guardian

 

«Este romance escorreito pode ser minúsculo e mal ultrapassar as 100 páginas, mas contém um murro de dimensões gigantescas. Uma exploração delicada e redefinidora da forma sobre classe social, trabalho, género e raça.»

Harper’s Bazaar

 

«A sua nova obsessão literária. Este retrato cáustico sobre a elite britânica da estreante Natasha Brown anuncia a chegada de um novo e brilhante talento. Com uma prosa acutilante, manejada como uma faca de aparar (…). Encontro é demasiado subtil e elegante para tolerar o nosso desejo de consertos rápidos.»

Vogue

 

«Sobre tudo o que tem mudado e ainda precisa de mudar, do ponto de vista social, histórico, político e pessoal. Pequeno, mas de impacto gigantesco; acredito que é o tipo de livro que marca a fratura entre um antes e um depois.»

Ali Smith

 

«A prosa refinada, a estrutura audaciosa e a elegância contida de Natasha Brown são completamente cativantes. É uma nova escritora esplêndida.»

Bernardine Evaristo

 

SOBRE A AUTORA

 

Natasha Brown estudou Matemática na Universidade de Cambridge e trabalhou durante uma década no mercado financeiro. Recebeu em 2019 o London Writers Award, na categoria de ficção literária, na sequência do qual escreveu Encontro, o seu primeiro romance. Este foi considerado um dos livros de estreia do ano por publicações como The Guardian, Observer e Vogue, e tem direitos de publicação vendidos para 16 territórios.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK